A Gestão da Qualidade da Fiocruz Rondônia trabalha na orientação das melhores práticas de gestão e pesquisa, buscando alinhamento aos requisitos legais.

Política da Qualidade

A Política da Qualidade da Fiocruz Rondônia está centrada em atuar para a melhoria contínua das pesquisas, produtos e serviços desenvolvidos na instituição, auxiliando assim no desenvolvimento da missão e visão institucional.

Objetivos da Qualidade

  • Desenvolver um Sistema de Gestão da Qualidade da Fiocruz Rondônia, de acordo com as normas e regulamentos pertinentes, avaliando o sistema da qualidade periodicamente e garantindo ampla divulgação dos documentos da qualidade: normas e procedimentos operacionais padrão.
  • Promover capacitação contínua dos profissionais e colaboradores no âmbito da qualidade em pesquisa.
  • Zelar pelo ambiente organizacional saudável, orientando os colaboradores na manutenção e melhoria do ambiente de trabalho.

Acesse os documentos e registros da Qualidade da Fiocruz Rondônia em AVA

Qualidade

Acompanhe as atividades e projetos da Gestão da Qualidade em

Projetos

Equipe

-Alice Paula Di Sabatino Guimarães

Currículo Lattes

E-mail: alice.guimaraes@fiocruz.br

-Felipe Weisshaupt Stegun

Currículo Lattes

E-mail: felipe.stegun@fiocruz.br

-Wanne Patrício Soares

Currículo Lattes

E-mail: wanne.soares@fiocruz.br

Telefone: (69) 3219 6003

O conjunto de biotérios da Fiocruz Rondônia recebe a denominação de Plataforma de Criação e Experimentação Animal (PCEA). É um setor de apoio às pesquisas que tem como objetivo fornecer animais e produtos biológicos derivados destes, abastecendo as demandas das atividades de pesquisas desenvolvidas pelos laboratórios da instituição.

A plataforma produz camundongos (Mus musculus) da linhagem outbred (Swiss). Atualmente, as demandas por outras linhagens de camundongos bem como distintas espécies de animais de laboratório são supridas pelo ICTB/FIOCRUZ (https://www.ictb.fiocruz.br/). A PCEA possui a capacidade de manutenção de três espécies de animais: camundongos (Mus musculus) de linhagens inbred e outbred; coelhos (Oryctolagus cuniculus) e lhamas (Lama glama).

A PCEA conta com uma estrutura que contempla três biotérios de roedores, sendo um destinado a criação dos animais e dois para experimentação; um biotério de experimentação de lagomorfos e um de camelídeos, contendo lhamas.

Requisições e Formulários

EQUIPE

Dr. André de Abreu Rangel Aguirre

Currículo Lattes

E-mail: andre.aguirre@fiocruz.br

Dra. Keityane Boone Bergamaschi

Currículo Lattes

E-mail: keityane.bergamaschi@fiocruz.br

Luandêrson de Oliveira Pinheiro

E-mail: luanderson.pinheiro@fiocruz.br

Rafael Nespolo

Currículo Lattes

E-mail: rafael.nespolo@fiocruz.br

Telefone: (69) 3219-6001